segunda-feira, 11 de dezembro de 2017

5 Coisas de 2017


De uma maneira geral, 2017 não foi melhor que o ano passado, mas tenho de lhe dar algum crédito. O ano está a chegar ao fim, por isso acho que já vai sendo hora de recapitular todos os acontecimentos. Eu sei que ainda falta o Natal, mas posso já dizer com toda a certeza que estas foram as 5 coisas que me marcaram este ano. 

1. O JOBI. 
No topo está a maior decisão tomada até à data. A compra do MEU carro. Ainda agora não faz um ano e já tenho histórias vividas ao volante para contar. (Incluo também a carta de condução terminada este ano.)

2. A família aumentou!
Este ano ganhei duas cunhadas, e dois sobrinhos que irei conhecer em 2018. Foi muita informação para absorver.

3. Alcoutim.
A aventura feita em Outubro. Pegar no carro e atirar-me ao desconhecido. Foi uma experiência que me fez lembrar que tenho de acreditar mais em mim, porque eu consigo fazer seja o que for.

4. A Coruja.
O ano começou em grande com a segunda tatuagem. Eu era para a ter feito no final de 2016, mas acho que assim até foi melhor. Começar o ano com o braço inchado, mas que hoje adoro o resultado.

5. O corte de cabelo. 
Eu não ia acreditar se me dissessem que ia fazer fazer isto ao cabelo. Acordar um dia e "ah e tal pente 4 se faz favor". Pois, e assim foi. O corte mais curto de toda minha vidinha. Mas que agora daqui não passa.

E vocês? O que foi que marcou o vosso 2017?


terça-feira, 5 de dezembro de 2017

Senta-te e vê um filme com o Movie 36


"Adoro Cinema, e tu?" - ai mãe. Não me façam esta pergunta porque fico congelada. 
A sério. Não é que não goste, mas para ver filmes sou uma vergonha!

Sou capaz de meter os pés no cinema uma a duas vezes por ano e metade da sessão passo-a a dormir. E ver filmes em casa? Três ou quatro, se já não os vi nos anos anteriores, e às prestações visto que adormeço no sofá também. Não costumo estar a par dos filmes que estão em estreia, e não devo ter visto mais de metade (da metade) dos clássicos.

Sou mesmo assim. Gosto de ver filmes nas calmas, até porque tento ir nos últimos dias para não apanhar confusão nos cinemas ou então aguardo pela opção "online". Mas se gostar de um, gosto mesmo. No entanto gostaria de contrariar esta minha preguiça e ir mais vezes ao cinema, ou até mesmo fazer sessão em casa (e manter-me acordada de preferência!). Só me fazia bem!

E ao que parece as minhas preces foram ouvidas. Porque a Carolayne convidou-me para o seu projecto e nem pensei duas vezes em aceitar. E que projecto é esse? 


O projeto Movie 36 é da autoria da Carolayne do blog Imperium, em parceria com a Sofia, do blogue A Sofia World. O objectivo principal é partilhar as nossas "reviews" dos filmes (que haveremos de escolher para 2018), de maneira a criar um debate pelos blogues dos temas que sejam abordados. E não só, é também uma forma apelativa de superar o nosso numero de filmes vistos durante um ano. Ora isto para quem vê poucos, ou nenhuns *levanta o braço lentamente* é um desafio é pêras! 

As Participantes já anunciadas (para além das autoras do projecto):

JOANA ALMEIDA, TWICE JOANINHA 
FRANCISCA GONÇALVES, FRANCISCA 
SÓNIA PINTO, BY THE LIBRARY 
INÊS VIVAS, VIVUS 
ALICE RAMIRES, SENTA-TE E RESPIRA 
CAROLINA NELAS, THIRTEEN 
VANESSA MARTINS, MAKE IT FLOWER 
JOANA SOUSA, JIJI

O desafio irá começar em Janeiro 
e mal posso esperar (e preparar-me mentalmente) para o que aí vem.

Mas esperem! Este anúncio é também um convite para vocês! Ah pois é, caso estejam interessados em participar,
terão de enviar um e-mail à Carolayne, imperiumbylyne@gmail.com com o assunto "Movie 36 - Participação".

Vamos lá bater recordes!


sábado, 2 de dezembro de 2017

Das lições importantes... #1


"Don't be jealous of anyone. I guarantee you, if everyone walked into a room, and dumped their problems onto the floor, when they saw what everyone else's problems were, they'd be scrambling to get their own problems back before someone else got them first." - Kim Gruenenfelder

Uma das lições mais importantes que aprendi em 2017.
E que hoje foi reforçada.

5 Coisas de 2017

De uma maneira geral, 2017 não foi melhor que o ano passado, mas tenho de lhe dar algum crédito. O ano está a chegar ao fim, por isso a...

Popular Posts