sábado, 12 de agosto de 2017

(Os tesourinhos do antigo Blog)


Eu não podia deixar os tesourinhos do outro blog para trás! 
E que tesourinhos são perguntam vocês?

Quem veio comigo do antigo blog sabe que no aniversário do "Big World" vinham as asneiras dos outfits que por lá partilhei. Ah pois! Quem diz que sai tudo à primeira? Se gostam de aparvalhar como eu, sabem do que estou a falar certamente. Eu esperava um ano inteiro para partilhar isto convosco, porque para mim era o que mais gostava de fazer. Rir, fazer rir quem fotografava o conjunto, e claro - fazer vocês rir também. 

- Neste novo blog não sei se os conjuntos serão frequentes, mas os que possam vir a aparecer... Garanto-vos que as asneiras estarão aqui de certeza! 

O Big World não chegou ao aniversário, mas estava a dever-vos isto pá. 


sexta-feira, 11 de agosto de 2017

MELODRAMA


No ano passado houve um cd que fez o meu verão, 
e que marcou momentos que irei lembrar para sempre: 
O Blurryface dos Twenty One Pilots. 

***

"But I hear sounds in my mind
Brand new Sounds in my mind"


Mas este ano, houve o regresso de alguém.
O seu 'hit chegou numa boa hora, e o seu novo álbum chegou ás minhas mãos no momento certo.
E por mais piroso que isto vá soar, foi o regresso de quem me levou aos batons estranhos,
e subir a minha auto-estima. E me fez "abraçar" a minha maneira de ser. 

Estava a precisar dela outra vez.

sábado, 5 de agosto de 2017

O Almanaque.


(Aviso que este desabafo poderá conter alguma palavra mais rude.)

Era bom que cada um de nós a certa idade das nossas vidas (idealmente aos 20) recebêssemos um livro de como orientar a vida a partir daquele momento. Um Manual de Instruções para saber lidar com as responsabilidades que passamos a ter (mesmo não querendo), com as frustrações e as tristezas que virão, quais as melhores escolhas a fazer... Mas não, cada dia é uma caixa de surpresas, e temos de aprender "à bofetada do destino" como as coisas são. Não é por acaso que dizemos "Se eu soubesse...!". 

Basicamente um Almanaque (como o Regresso ao Futuro) que nos informasse
 que a dia tal iria acontecer X e o melhor a fazer seria Y. 

- Não esperava aos 26 ainda ter muito que aprender, muito que me 'marafar' e muito que chorar. Não esperava não saber o que fazer, continuar com medo de dizer não, medo do fracasso, sem saber o que fazer da minha vida a nível profissional, não ter uma actividade a qual me dedicasse de corpo e alma... Não digo desistir, mas conseguir manter-me a qualquer plano que fizesse, sem ter de "pausar" ou "adiar". Não esperava continuar a sentir-me insegura com cada passo que dou.

Esperava já ter tudo orientado, ser 100% independente e ter a minha casa (vá, já tenho o carro não é mau!). Esperava saber ser adulta, saber lidar com as responsabilidades (sem perder a cabeça primeiro), ter controlo (e auto-controlo), estar segura de mim e saber tomar decisões sem medos, não estar preocupada, nem me aborrecer, com a mínima 'paneleirice. E muito menos ralar-me com o que próximo diz ou pensa de mim, até mesmo quando dissesse NÃO a alguma situação que me incomodasse. 

Mas não, aqui estou eu, a aprender a lidar com tudo isto. 


quarta-feira, 2 de agosto de 2017

"Eu quero ser mais que perfeito, melhor do que a imaginação"

Photo by Sarah Dorweiler on Unsplash

Tem sido constante esta minha batalha interna de "Não quero que o meu blog seja mais do mesmo."
E o facto de ter começado de novo, estabelecendo regras a mim própria e ao blog
tem bloqueado a minha criatividade.

... Deixei-vos com aquela impressão, 
"Espera, o titulo não parece a musica de abertura do Pokémon?" 

Ahah, e é. Calhou bem.

(Os tesourinhos do antigo Blog)

Eu não podia deixar os tesourinhos do outro blog para trás!  E que tesourinhos são perguntam vocês? Quem veio comigo do ...