sábado, 5 de agosto de 2017

O Almanaque.


(Aviso que este desabafo poderá conter alguma palavra mais rude.)

Era bom que cada um de nós a certa idade das nossas vidas (idealmente aos 20) recebêssemos um livro de como orientar a vida a partir daquele momento. Um Manual de Instruções para saber lidar com as responsabilidades que passamos a ter (mesmo não querendo), com as frustrações e as tristezas que virão, quais as melhores escolhas a fazer... Mas não, cada dia é uma caixa de surpresas, e temos de aprender "à bofetada do destino" como as coisas são. Não é por acaso que dizemos "Se eu soubesse...!". 

Basicamente um Almanaque (como o Regresso ao Futuro) que nos informasse
 que a dia tal iria acontecer X e o melhor a fazer seria Y. 

- Não esperava aos 26 ainda ter muito que aprender, muito que me 'marafar' e muito que chorar. Não esperava não saber o que fazer, continuar com medo de dizer não, medo do fracasso, sem saber o que fazer da minha vida a nível profissional, não ter uma actividade a qual me dedicasse de corpo e alma... Não digo desistir, mas conseguir manter-me a qualquer plano que fizesse, sem ter de "pausar" ou "adiar". Não esperava continuar a sentir-me insegura com cada passo que dou.

Esperava já ter tudo orientado, ser 100% independente e ter a minha casa (vá, já tenho o carro não é mau!). Esperava saber ser adulta, saber lidar com as responsabilidades (sem perder a cabeça primeiro), ter controlo (e auto-controlo), estar segura de mim e saber tomar decisões sem medos, não estar preocupada, nem me aborrecer, com a mínima 'paneleirice. E muito menos ralar-me com o que próximo diz ou pensa de mim, até mesmo quando dissesse NÃO a alguma situação que me incomodasse. 

Mas não, aqui estou eu, a aprender a lidar com tudo isto. 


5 comentários:

  1. Não sei se algum dia lá vamos chegar, moça. À medida que "cresço" - se é que isto ainda é crescer - apercebo-me que andamos todos a apanhar papéis...e se calhar a vida é mesmo assim. Começo a achar que é. E a perceber os olhares de dúvida na cara dos adultos de cada vez que nós fazíamos perguntas difíceis quando éramos miúdos. Havemos de perceber - quando chegarmos aos 80 e quisermos resumir a nossa história aos netinhos...até lá, vai surfando a onda. De vez em quando há sustos, e nunca sabes para onde ela vai, mas começo a achar que é mesmo assim.

    E qualquer coisa, estou aqui <3

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Temos de contar aos netos que surfamos em grande estilo. XD

      Também começo achar que sim, que dúvidas temos todos. Que teremos sempre.

      Obrigada Jiji! <3

      Eliminar
  2. Imagina chegar aos noventa e ter esses mesmos medos e incertezas mas com a "casca" envelhecida pelo passar do tempo. É um pulinho até lá e raramente nos lembramos disso (não estou a ajudar, pois não?). A verdade é que se assim não fosse a vida era uma seca previsível. Faz os possíveis para viver como tu queres sem preconceitos, só assim vais tirar o mais prazer das coisas e desprezar "o que os outros podem pensar". Honestamente, acho que sair de Portugal, quanto mais não seja por uns meses, ajuda tanto nisso. Beijinhos

    http://pt.witkonijn.net/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu percebo, mas há coisas que não tenho qualquer controlo e entro em pânico sem saber o que fazer. Geralmente vou-me abaixo e desligo de tudo.

      Quem me dera sair nem que fosse por um bocadinho. T^T

      Eliminar
  3. Muito obrigado, Alice :D Ainda estou a testar as mais diversas formas de o modelar porque naquele dia estava penteado pela cabeleireira :D Mas certamente que, em breve, farei um post dedicado a ele :D

    Primeiro de tudo, deixa-me que te diga que és lindíssima! Segundo, entendo onde queres chegar. No entanto, a vida perderia toda a magia que tem. É suposto penarmos para que possamos crescer de forma genuína. Aprendi, com a vida, que é muito melhor levarmos as coisas com alguma relatividade e que nada nos vale esperar pelo incerto. Os dias seguem-se um de cada vez para que os possamos aproveitar!

    Viciei no teu blog. Segui :D

    NEW REVIEW POST | SYOSS: the best HAIR RESTORE SHAMPOO ever. ;o
    InstagramFacebook Official PageMiguel Gouveia / Blog Pieces Of Me :D

    ResponderEliminar

5 Coisas de 2017

De uma maneira geral, 2017 não foi melhor que o ano passado, mas tenho de lhe dar algum crédito. O ano está a chegar ao fim, por isso a...

Popular Posts